O estranho dia em que TUDO deu certo

Sabe aqueles dias em que tudo dá errado? Parecem comuns né?

Mas hoje não foi um deles. Ao menos para mim.

Sabe o que é ainda mais engraçado? Nós acabamos nos condicionando tanto ao fato de que sempre algo dá errado que é até surpreendente quando nada dá errado.

Eu inclusive andei com uma maré de azar daquelas brabas nos últimos dias mas hoje, hoje eu cheguei em casa de alma lavada.

Eu tinha muitas missões hoje, possibilidade de dar merda em alguma? Quase 100%.

  • Tirar xerox dos documentos
  • Encontrar um lugar que tirasse fotos 3×4 (olha que tá raro)
  • Fazer minha matricula na IBMR
  • Comprar meu uniforme para aulas práticas
  • Bordar meu nome no jaleco (missão impossível no mesmo dia)

E a que precisei adicionar ao longo do dia, e provavelmente missão mais impossível de ser feita no mesmo dia:

  • Conseguir o documento na minha antiga faculdade para garantir meu desconto de segunda graduação.

“Ah Ju, mas isso nem é difícil!”

Se você está falando isso, você certamente nunca precisou passar pelo atendimento de secretaria da Estácio de Sá.

Qual foi a minha surpresa quando tudo simplesmente fluiu maravilhosamente bem e eu consegui resolver TUDO, e hoje mesmo.

O documento que faltava na IBMR eu posso levar em até um mês, na loja de uniforme, o responsável pelo bordado reconheceu o simbolo da minha tatuagem de Instrumentos Mortais, puxou assunto porque a filha dele assiste, conseguiu com a gerente e fez meu bordado ali na hora! E a pior missão do dia, milagrosamente se resolveu em menos de 5 minutos na Estácio. Sem burocracia. Sem fila de espera.

Eu nem preciso dizer que eu cheguei em casa feliz demais que tudo deu certo. E exausta também de resolver tanta coisa na rua.

Agora sabem uma coisa que eu percebi?

Por mais que eu soubesse que as coisas podiam dar certo, eu sai de casa determinada a não deixar nada me abalar, e se tem uma coisa que transforma o seu dia, e o das pessoas que passam por ele, é que o seu estado de espirito, acredite ou não, influencia.

Já percebeu como quando você está de mal humor e sem vontade as coisas dão errado com maior frequência?

Mas em um dia em que você está com uma energia boa, tudo parece ir melhor, até porque parte de você o uso de algumas palavrinhas gentis que são como mágica: “bom dia”, “boa tarde”, “boa noite”, “por favor’.

Claro que uma pessoa educada usa essas palavrinhas com frequência, mesmo estando em um dia ruim, mas quando você está bem, você realmente está desejando o que diz para as pessoas, e está passando essa energia para elas. E acredite, as vezes isso melhora o dia delas também.

Quem nunca trabalhou se sentindo invisível porque as pessoas simplesmente acham que você não está fazendo mais do que a sua obrigação, mas aquele “bom dia”, aquele elogio inesperado, não te faziam ter um dia melhor?

Fica aqui essa reflexão para vocês, quem sabe não os ajuda a terem mais dias estranhos onde tudo dá certo.

Comente!

%d blogueiros gostam disto: